«

»

A gasolina sobe todos os dias na RMVale

Em julho deste ano, a Petrobras adotou uma nova política de preços para os combustíveis no país, visando maior competitividade e com o objetivo de recuperar receita e participação de mercado; reajustes foram quase diários

Desde que a Petrobras adotou a nova política de preços para combustíveis, em julho, a gasolina subiu 32,52% em São José — maior alta da RMVale, segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis).

O preço do litro da gasolina saiu de R$ 2,98 no final de junho deste ano, em São José, para R$ 3,94  — foi o maior aumento percentual em toda a região.

Em cidades como Caraguatatuba, Ubatuba e Lorena, o litro da gasolina passou de R$ 4, segundo a ANP, com percentual de alta em 14,18%, 22,39% e 28,08%, respectivamente, na comparação com o preço de junho.

Taubaté teve 28,54% de aumento no litro da gasolina, passando de R$ 3,08 para R$ 3,95.

Em Jacareí, foi de R$ 3,07 para R$ 3,95, alta de 28,71%.

Em um período de 152 dias, a Petrobras reajustou os combustíveis 103 vezes, segundo analistas de mercado. Anteriormente, a mudança no preço ocorria mensalmente.

Passou a ser quase diária em busca de “maior competitividade” e para “recuperar receita e participação de mercado”, informou a Petrobras na época.

Com isso, o litro do diesel saltou 39,30% em Caçapava, maior alta do Vale, passando de R$ 2,64 para R$ 3,69.

Em São José, pulou de R$ 2,59 para R$ 3,24, aumento de 25%. Cresceu 26,93% em Taubaté (R$ 2,59 para R$ 3,29) e 34% em Jacareí (R$ 2,53 para R$ 3,37).

“As correções deveriam ser feitas por períodos mais longos, e não diárias. Na ponta final, o custo penaliza o consumidor”, disse o economista Edson Trajano..

Link permanente para este artigo: http://jornalviavale.com.br/a-gasolina-sobe-todos-os-dias-na-rmvale/